Todo o reikiano sabe que, antes de fazer um tratamento de Reiki, deve preparar o ambiente. O local destinado para o tratamento deve ser limpo, arrumado e estar em boas condições porque quando se aplica Reiki, os chacras abrem-se e tornam-se vulneráveis às energias circundantes.

Purificar e harmonizar torna-se vital para transformar a energia que nos rodeia. Cada espaço tem uma vibração energética que é influenciada  pelos objectos existentes, pela disposição, emoções, poluição… Esses padrões exercem influência nos campos energéticos das pessoas.

Através dos quatro elementos é possível harmonizar um espaço. A sua presença pode transformar a casa num templo que irradia uma verdadeira atmosfera curativa. Todo ser Humano é composto pelos 4 elementos. O Fogo,  a Água, Terra e o Ar são forças vitais que compõe toda a natureza. Eles são representados pelo vento dos nossos céus, pela terra firme, pelo calor dos raios solares, e uma grande variedade de recursos hídricos (mares, rios, lagos, riachos e lagoas).

O elemento Terra simboliza o fundamento da vida, a fertilidade, a segurança e as nossas raízes familiares. Está ligado ao chacra raiz e ao símbolo Cho Ku Rei. A sua presença pode ser representada sob a forma de plantas, em vaso ou em jarras com flores frescas que acalmam e tranquilizam o ambiente. Os cristais também pertencem a este elemento e representam o estágio maior na evolução do reino mineral. Eles têm a capacidade de, em simultâneo, harmonizar o ambiente e absorver energias desarmoniosas.

A Água está associada ao inconsciente, às emoções e à fluidez. Representa a libertação emocional, intuição e reflexão interior. Está ligada ao chacra sexual e ao símbolo Sei He Ki.
Este elemento pode estar presente através de pequenas fontes decorativas ou, simplesmente, representado por um copo com água que devemos ingerir antes de um tratamento.

Uma das suas características principais é a de limpeza, pois tem a particularidade de arrastar e levar embora tudo o que tiver que ir, tanto material como espiritual. Daí a importância de recomendarmos o aumento de sua ingestão para facilitar o processo de purificação e cura, após um tratamento de Reiki.

O Fogo representa a energia, as transformações e a conexão com o poder pessoal que é a nossa força interior. Este elemento é muito importante num tratamento de Reiki pois é uma defesa contra energias negativas e harmoniza o chacra do plexo solar. Está ligado ao Hon Sha Ze Sho Nen, o terceiro símbolo de Reiki. O acto de acender uma vela representa a iluminação da Fonte do Reiki.

O elemento Ar representa o intelecto, a intenção mental e a conexão com força universal da vida. Está ligado ao símbolo Dai Koo Myo, um símbolo que trabalha o nosso corpo espiritual.

O fumo, como representante desse elemento, ajuda-nos a atingir um estado de concentração para uma conexão com a Fonte de Reiki mais profunda e tem a vantagem de purificar tanto o espaço como a nossa aura. Podemos usar o incenso, de preferência natural, ou queimar ervas secas como a sálvia e o cedro para renovar a carga energética estagnada do ambiente e estimular as funções dos chacras. Como opção para os incensos, pode-se utilizar os difusores aromáticos com óleos essenciais que devem ser 100% naturais.

O Reiki é uma prática sagrada e, ao rodear-se pelos quatro elementos, está a criar um verdadeiro santuário.